fev 252012
 

Horror! Medo! Desespero! Óleo Diesel!

Sim ouvintes! Finalmente a The Dark One Productions pagou a promessa ao nosso  grande ouvinte Alessandro Santos e preparou um episódio do Podtrash sobre o Comboio do Terror, dirigido pelo megalovax foda escritor (e péssimo diretor) Stephen King! E neste programa Bruno Gunter “Gunfree”, Douglas Fricke “o Exumador” e Demétrius Santos “o Anjo Negro” convidaram o Brunno Costa, organizador fotógrafo do Podcast in Boteco e amante de carros para esta resenha especial!

Então aumentem o volume de seus rádios porque o AC/DC vai cantar bonito!

Comentado nos Emails

Arte do Adorador do Capeta (clique para ampliar)


Recomendações dos Ouvintes

Extras deste Podtrash

Contato e links do Podtrash

Média TD1P: 3

Duração deste Episódio: 78:52

  • Como assim Brunno Costa o ORGANIZADOR do Podcastinboteco???

    Ele é, quando muito, o fotógrafo oficial do podcastinboteco!! hehehehehehehe

    • Brunno Costa

      Organizador!?!?!?! Chuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuupa Maicon Jabour!!!

      Tô mais pra “pai adotivo” …

    • Bruno Gunter

      Se vocês preferem assim, que seja feita vossa vontade. Postagem atualizada.

      PS.: Para mim, quem tem a senha do blog e tira fotos do evento, faz parte da organização… Mas, quem manda são vocês. Abraços!

  • First! Hehehe!
    O que dizer sobre Comboio do Terror… O King deveria ficar só escrevendo né… Não ouvi o episódio ainda, mas logo que ouvir volto pra comentar só agradecer como sempre o fato de linkarem o Yopinando e que vença o melhor Palpiteiro e de preferência que seja eu!

    • Oh não! Perdi pro Nerdmaster por segundos.

    • Blergh

      VIADAGEM ISSO DE FIRST!

      • Blergh pra vc também. Bem já passei pro Bruno o trailer no Twitter, mas confiram o trailer de um filme que merece muito um futuro podtrash (porque o filme nem saiu ainda). Dead Sushi – http://www.youtube.com/watch?v=hr-jrq7ZxtQ

        • Bruno Gunter

          Simplesmente animal. Estou louco para ver agora os Sushis Assassinos!

      • Brunno Costa

        First = gay

        • Ultimo! Quem rí por ultimo rí melhor!

  • Comboio do Terror?? Por um segundo pensei que fosse o tão prometido programa sobre indicações dos malucos que ouvem essa parada.

    ps. 666

    • Bruno Gunter

      Não deixa de ser caríssimo Adorador, o Comboio do Terror era uma indicação do Alessandro 🙂

    • Porra, acabamos de fazer um Chorume! 😉

  • Preparem-se para a participação mais que especial do Duende Verde!

    galera vocês são demais.

    Depois que ouvi volto para comentar

    alegti_santos

    • Bruno Gunter

      Este é o nosso agradecimento pela sua audiência, afinal quem deve falar obrigado, somos nós que temos um ouvinte tão maneiro quanto você!

      Abraços, meu amigo

  • Olá senhores do mal³,

    Maximum Overdrive é trash da medula espinhal ao óleo de motor. E se MAXIMUM OVERDRIVE é trash, o que resta a Trucks de 2000!

    E um Ménage à trois de indicações, na linha dos temíveis trucks.

    O primeiro é Comboio (ou Convoy) no qual o mestre Kris Kristofferson ou Rubber Duck (Pato de Borracha) travava um combate épico com o Sheriff Ernest Borgnine ou Cottonmouth (?). O filme já vale pelos monstros Kristofferson, o Whistler de Blade I, II e III, e Borgnine, que é o dublador do melhor super herói de todos, o Homem Sereia no Bob Esponja. Ou seja, de um alado Abrahan Whistler do outro o Homem Sereia.

    http://migre.me/83uMR
    http://migre.me/83uPh

    O segundo é Agarre-me se Puderes pois nele tem um dos melhores musclecar’s (mas o tema não era caminhões? Mas caminhões perdem para musclecar’s!) o Pontiac Trans Am (Super Máquina).

    http://migre.me/83uRF

    E o terceiro é Coast to Coast com a musa mamária Dyan Cannon e uma fuga insuperável, com direito a marido ciumento e repotruck’s.

    http://migre.me/83uYm
    http://migre.me/83uYT

    E para um próximo CHORUME quem sabe as porno paródias bizarras! E eu cito três: Backside to the Future (1986), Crocodile Blondee (1986) e Bat Bitch (1989).

    Abraços do King Buddy Holly do Blogs Do Pato Morto!

    • Bruno Gunter

      Ah se for para citar carros, tem o carro clássico do Mad Max aí pô! Ou então o carro do Kurt Russel no Death Proof! Ou se formos mais longe tem os carros do Faster! Pussycat! Kill! Kill! também. E certamente depois que eu der enter para enviar a mensagem, vou lembrar de mais…

      • Cordeiro Disléxico

        Pegando carona na carreta do King Buddy Holly:

        “Encurralado, de Steven Spielberg”
        “Operação França”: fuga de carros ledária

        “Comboio” que foi citado é do grande Sam Peckinpah que aliás fez tb “Tragam-me a cabeça de Alfredo Garcia”, “Sob o Domínio do Medo” e dois westerns completamente “a parte”, não eram nem espaguete nem dos tipos clássicos: “Meu Ódio Será Sua Herança” – “A Morte Não Manda Recado” : Westerns Gore, mortes em centenas, coisa pra macho !!!

        Mandei mais via mail pra vcs.

        Abração.

        • Uma parte dos western da qual sou aficionado é a trilha sonora e Meu Ódio Será Sua Herança é um marco nesse quesito.

          Jerry Fielding é um monstro o que diz respeito a trilhas, tanto em filmes quanto em séries.

          • Cordeiro Disléxico

            Exato !!!

            Peckinpah sabia usar muito bem o slow motion, a trilha sonora e com isso criar uma atmosfera inédita em western até então. Por isso era chamado de “poeta da violência”.

          • Bruno Gunter

            Pô mas e o grande Morricone?

          • Ennio Morricone deveria ser o nome do troféu para os compositores de trilha banguebangue macarrão no futuro TrahsBlate (muito específico? quem sabe!)

            Morricone é responsável “apenas” pelas trilhas dos Per un pugno di dollari, Per qualche dollaro in più e Il buono, il brutto, il cattivo!

            Mas a minha preferida é sem dúvida a trilha de Once Upon a Time in the West ou Era Uma Vez no Oeste e dessa a favorita é sem dúvida Farewell to Cheyenne (que eu acredito a trilha de abertura de um famoso seriado de um assassino em série foi ‘levemente inspirada’).

            Sobre Morricone e outros compositores em spaghettis eu escrevi aqui

            http://migre.me/88yDe

            Farewell to Cheyenne
            http://migre.me/88yGZ

            Seriado do assassino serial
            http://migre.me/88yJp

      • Brunno Costa

        Se vamos falar de carros, chamem um especialista – EU, PORRA!!!!

        http://paranerdia.com.br/podcast/paranerdia-35-os-carros-mais-famosos-do-cinema

        • Cordeiro Disléxico

          Boa !!!

          Muito legal !

    • Brunno Costa

      ESSE PODERIA SER UM EPISODIO FUTURO DO PODTRASH…

      http://www.imdb.com/title/tt0082136/

      QUEM NÃO CORRE, VOA!! – THE CANNONBALL RUN

  • Mateus

    Olá amigos!
    Ainda não vi essa pérola do cinema trash, mas li o conto “Caminhões” do King no qual o filme foi baseado.
    É na pegada de “Madrugada dos Mortos” onde um grupo de pessoas fica isolada em meio a devastação.
    O final no melhor estilo King, não é conclusivo deixando a entender que aviões também rodearão o grupo.

    No mais, ótimo cast.

    • Bruno Gunter

      Pô Mateus, valeu pelo feedback!

      E eu preciso ler mais os cotos do King, pois fico mais nos livros. Inclusive tem um livro do King que li (ele escreveu com o Pseudônimo Bachman na época), chamado Desperation, dá um confere no filme que é bem legal. Segue o IMDb dele: http://www.imdb.com/title/tt0129871/

  • caramba AC/DC+podtrash= episodio muito foda.
    bem nessa mesma linha de maquinas que criam vida e matão as pessoas eu recomendo o Virus (1999), que na minha opinião merece um episodio.
    trailer:
    http://www.youtube.com/watch?v=4bI1oa_1WME

    • Bruno Gunter

      Sim Rodrigo de Cisne! Virus é muito maneiro, e se não me falha a memória, a galera comentou dele no feedback do Chorume: Apocalipse… Ou estou enganado?

      Enfim, tem uma penca de filmes onde as coisas ganham vida e vnao em busca de sangue. Um bom exemplo é o próprio Christine do mesmo Stephen King com o Mestre John Carpenter: http://www.imdb.com/title/tt0085333/

  • Tiago

    Comboio Do Terror passo no sbt e aqueles filmes de baixo orçamento que consegue ser divertido e um pouco bizarro em algumas cenas bem trash. quando o carteiro entrega uma corespondencia ne uma casa ie brutalmente assassinado por um caminhãozinho de brinquedo essa cena marca o filme a final poderia ser melhor foi muito besta na minha opinião.

  • Tiago

    pro chorume vcs podia fazer uma lista de filmes de bang-bang italiano!

  • Daniel F. B. Costa

    Stephen King é o rei dos filmes trash! E o Comboio do Terror é a masterpiece do cara!!!

    Tem tanto filme trash do King, que o próximo Chorume poderia ser só de filmes dele… Ia ser animal!

  • Cordeiro Disléxico

    Pessoal, muito bom !!!

    AC/DC não tem errada. Mesmo um troço feio desse fica bom com um fundo musical assim !

    Realmente sobre o Tio King, o cara escreve coisas geniais agora concordo com o Gunter, escrever e dirigir são coias realmente distintas… Watchmen por exemplo ficou bom, mais o HQ é infinitamente melhor… Alan Moore que o diga.

    Quem conseguiu fazer filme igual ou melhor que livro foi Clive Barker: Hellraiser – Renascido do Inferno é sinistro demais, sexo e sangue, Cenobitas… muito bom mesmo.. mas é caso a parte.

    Programa como sempre muito bom !

  • DUDU

    Esse filme é ruim demais! Eu lembro dessa bomba no SBT! E o Trucks eh melhorzinho… vai

    • Brunno Costa

      SE EU ACHEI MAXIMUM RUIM, IMAGINA TRUCKS…

    • Trucks é igual a uma lobotomia! Ou pior ainda, a eletrochoque! Mas o pior é que eu prefiro trucks…

      Salvem o trash ruim!

      • Bruno Gunter

        Mas não tem o Gore caríssimo King!

        Lembre que o Gore alimenta o trash, mas infelizmente o trash não alimenta o gore…

  • Esses dias comentei no twitter que há muito tempo não ouço rádio. Desde que fui apresentado ao mundo dos Podcasts, vi que entramos nos mais diversos mundos e assuntos e encontramos pessoas legais, como vocês.

    O que eu acho legal em vocês Podcasters (falo no geral) é a amizade entre vocês, a famosa “camaradagem” de amigos mesmo. Quando ouço um cast sinto que estou em uma roda de amigos conversando ao lado de vocês.

    Ao fazer um cast com esse tema a gente se sente vivendo um espaço legal e vemos que realmente podemos fazer parte de algo.

    O certo era comentar sobre a “Origem do conceito dos Tranformers” mas… acabei acho que falando demais.

    Ia escrever um e-mail mas não deu.

    Abraço e como sempre queremos mais aguardando agora “As Sete Faces do Dr. Lao”

    alegti_santos

    ps.: falei que não ouço rádio mas “adoro” o pessoal do “Radiofobia” que é totalmente diferente e melhor do que se tem hoje em dia.

    • Cordeiro Disléxico

      Com certeza essa é a evolução real na mídia, a comunicação e entretenimento de forma cada vez mais exclusiva, livre de concessões inúteis.

      Pode-se dizer até que essa sensação de estar em casa, numa reunião de amigos é justamente algo muito próximo do que o rádio causava no anos 40 e 50, lógico com uma abrangência de publico diferente, mas cumpre um papel desta forma em nosso tempo.

      Que a internet continue com esse espaço livre que é, sem mudanças futuras e sem controle, castrando e fiscalizando conteúdos, assim em programas tão legais e despretensiosamente geniais quanto o podtrash !!!!

      Lembro de programas de rádio como o “Caixa preta” da rádio “maldita” fluminense
      ( toda a programação da rádio..), o “Garagem” de SP rádio gazeta que hoje está na no UOL e etc… perdeu-se muito disso.

      O politicamente correto acabou com a espontaneidade de fzr praticamente qualquer coisa na mídia de masa. Ridículo !

      Caminhamos para isso, pro Pós-TV, por Pós-rádio, etc…

      Vocês são a continuidade, evolução e revolução !

      Liberdade e alegria sempre !!!!

    • Bruno Gunter

      Graaaaande Alessandro! O cara deste Podtrash!

      Sim! O que nos mantêm fazendo podcasts é a nova roda de amigos que conhecemos. Em um ano e meio de Podtrash, conhecemos tanta gente maneira, que já paga o nosso trabalho duas vezes… Cada ouvinte que nos manda um email, esbarra conosco no cinema, ou simplesmente dá um oi no Twitter, tira um sorriso destes trasheiros aqui.

      Sobre o episódio, olha até falamos um pouco de Transformers, mas a gravação foi muito longa, tivemos mais de 3h de material bruto que foi condensado no que era mais relevante ao filme. Um dia, pode rolar um Podcast extra com os melhores momentos dos ssuntos off-topic que tratamos que acabam sendo cortados na edição final. Mas isso é um projeto que vai demandar muito tempo, pois nós precisaríamos reescutar todos os audios originais e separar o que pode ser usado.

      Um dia, quem sabe… Vai que rola 🙂

      PS.: As 7 faces do Dr. Lao já está na nossa pauta desde a primeira temporada do Podtrash. Deve rolar esse ano, só não sei ainda o número que vai ser lançado.

      []’s

  • Olá, cromados e tunados Senhores de Trash!!! ㋡

    É… Pelo jeito Stephen King explodiu o bloco do motor logo no começo de sua primeira (e única!) viagem cinematográfica, e o COMBOIO DO TERROR precisou terminar o percurso em ponto morto, “descendo na banguela”…

    Tudo bem, tudo bem, o fodástico caminhão do Duende Verde rouba a cena sempre que aparece. Mas legal de ver mesmo foi a rebelião das “Freak Machines”, com caixa eletrônico trollador, e máquina-de-refrigerante psicótica!

    Sei que vai demorar um pouco para termos outro Podtrash sobre maravilhosos veículos encapetados. Ainda sim, deixo aqui duas boas sugestões para um futuro não tão distante:

    1º.) CHRISTINE – O CARRO ASSASSINO (Christine, 1983) – http://www.imdb.com/title/tt0085333

    ☣ TRAILER:

    http://www.youtube.com/watch?v=aJ5M11m9vI0

    ☣ DOWNLOAD (Legendas PT-BR):

    Link 01: http://jumbofiles.com/2x35ii88smim/Christine – O Carro Assassino (1983).zip.html

    Link 02: http://www.crocko.com/21AD57ACF96F4ABF8D3A604F8AEA1BE4/Christine_-_O_Carro_Assassino_(1983).zip

    2º.) O CARRO – A MÁQUINA DO DIABO (The Car, 1977) – http://www.imdb.com/title/tt0075809

    ☣ TRAILER:

    http://www.youtube.com/watch?v=PoAD3kUmN9s

    ☣ DOWNLOAD (Legendas PT-BR):

    Link 01: http://jumbofiles.com/w1n88xvfam9g/O Carro – A Máquina do Diabo (1977).zip.html

    Link 02: http://www.crocko.com/FB9A79AC8ACA48BA960CBA48AF669102/O_Carro_-_A_Máquina_do_Diabo_(1977).zip

    • Bruno Gunter

      Caveirinha de ouro pro Kleber!

  • Flavio Torres

    ACDC eh muito chato… nao tem um estilo musical definido! Geralmente quem paga pau pros caras eh pq nao entende lhufas de rock ou metal!!

    • AC/DC Faz um SEXUAL-ROCK; Tu tem vontade de comer muita Buceta enquanto ouve as musicas, note que me referi a buceta pois trata-se de um som masculino, pra CABRA HOMI!

      • Daniel F. B. Costa

        Não digam asneira! AC/DC é HARD ROCK e não Heavy Metal ou Rock…

        • Cordeiro Disléxico

          Quem precisa de rótulo é cerveja !

    • Manso

      Tolo.

      Precisa ter um estilo definido?

      • Daniel Batera

        Aposto que o Flavio Torres é daqueles que pagam pau pra Evanescence e Linkin Park.
        Sifudê bicho! AC DC é FODA. Toda banda tem sua evolução e dizer que por ter música de estilo A ou B é bom ou ruim, isso é errado!

        Só diz isso quem curte estas bandas que fazem TUDO igual. Como Nirvana, Ramones, Iron Maiden, Manowar e etc. Banda boa é a que sabe variar. Que cativa público de qualquer idade e não estas merdinhas emo ou de new metal. Para de falar abobrinha bicho.

  • Cordeiro Disléxico

    AC/DC faz ROCK, e só !!!!!

    Se liguem nessa primeira faixa do primeiro álbum do AC/DC:

    Gettin’ old
    Gettin’ grey
    Gettin’ ripped off
    Under-paid
    Gettin’ sold
    Second hand
    That’s how it goes
    Playin’ in a band
    It’s a long way to the top
    If you wanna rock ‘n’ roll

    Ridin’ down the highway
    Goin’ to a show
    Stop in all the by-ways
    Playin’ rock ‘n’ roll
    Gettin’ robbed
    Gettin’ stoned
    Gettin’ beat up
    Broken boned
    Gettin’ had
    Gettin’ took
    I tell you folks
    It’s harder than it looks
    It’s a long way to the top
    If you wanna rock ‘n’ roll
    It’s a long way to the top
    If you wanna rock ‘n’ roll
    If you think it’s easy doin’ one night stands Try playin’ in a rock roll band It’s a long way to the top If you wanna rock ‘n’ roll

    Hotel, motel
    Make you wanna cry
    Lady do the hard sell
    Know the reason why
    Gettin’ old
    Gettin’ grey
    Gettin’ ripped off
    Under-paid
    Gettin’ sold
    Second hand
    That’s how it goes
    Playin’ in a band
    It’s a long way to the top
    If you wanna rock ‘n’ roll
    It’s a long way to the top
    If you wanna rock ‘n’ roll
    If you wanna be a star of stage and screen Look out it’s rough and mean It’s a long way to the top If you wanna rock ‘n’ roll

    Well, it’s a long way
    It’s a long way, (so they tell me)
    It’s a long way, such a long way

    Notem que não fazem (nada contra, apenas comparação) black-metal, speed-metal, thrash metal, prog-metal, pussy-metal, chit-metal e etc, sem esses rótulos malas, sem preocupações estilísticas…. Música boa e divertida, apenas isso !

    Entendam que o AC/DC, assim como os Ramones ou o Motorhead, se repetem, são “só” rock e não precisa mais nada….

    Repetição e perfeição !!!!!

  • Cordeiro Disléxico

    Nem AC/DC, Ramones ou Motorhead definem o seu som exatamente, nenhum diz que faz exatamente punk, Hard ou Metal… apesar que se o “PÚBLICO” identifica assim blz tb.. o que eles fazem é rock !!!

    Os três fazem basicamente o mesmo som a dois séculos sem preocupações com rótulos, isos fica pros críticos.

  • Pingback: Podtrash 104 – Lado B()

  • Pingback: Podtrash 112 – Chorume: John Carpenter()

  • Pingback: Podtrash 134 – O Sobrevivente()

  • Pingback: Podtrash 185 – MPTrash Novelas()