out 312014
 

Horror! Medo! Desespero! Sofrimento!

No episódio desta semana nos reunimos para falar sobre o clássico Massacre da Serra Elétrica lançado em 1974 pelo megalovaxfoda Tobe Hooper. E além de nossa resenha habitual você ouvirá sobre plongéescontra-plongées e planos holandeses.

Então aumentem seus iPods porque mais um Podtrash está no ar!

Duração: 80’58”
Média TD1P: 5

ELENCO

NARRAÇÕES

ARTE DO BANNER

EXTRAS DESTE PODTRASH
ESCUTE TAMBÉM

TRILHA DESTE PODTRASH

CONTATOS DO PODTRASH
CAPA DESTE PODTRASH
218 O MASSACRE DA SERRA ELÉTRICA nova
  • Henry Rodriguez

    Frist! Parabéns não tenho vida.

  • Juliano Felicio

    Podtrash na sexta!!! Melhor que Nerdcast o/

    • Gorgonzola

      MUITO MELHOR, não tem nem comparação! Aqui é o underground!

    • Aslanterna Verde

      Faz tempo que não me empolgo com um NC… Muito tempo….

  • Don Ramon

    Caralho, o clássico dos clássicos (um dos).

    Força Sinistra tem que rolar também…

  • Gorgonzola

    Na sexta!?!? Que boa surpresa! E com um dos maiores clássicos. Baixando.

    • Presente de Halloween para vocês! Virei a noite e entreguei a tempo 🙂

      • Gorgonzola

        Valeu Gunter, você e sua quadrilha de sádicos são os caras. Espero que o halloween tenha sido satanicamente divertido!

      • Gorgonzola

        Ah, e o episódio foi muito foda. Não tem como não tirar a poeira do DVD para rever esse clássico da eliminação de malditos hippies sujos!

  • Esse podcast veio tão, mas tão adiantado, que a Marilyn Burns morreu antes de ser citada aqui…

  • Marcelo Damm

    Filme foda, me empolguei na arte! Me empolguei, fiz na mão e tudo o mais! Pra quem quiser, eu postei lá no meu quase finado blog a arte em super alta resolução!

    https://quemnaosabeescreverdesenha.files.wordpress.com/2014/10/218-o-massacre-da-serra-elc3a9trica-medio.jpg

  • Igor R.C

    Fui serrado de surpresa !!

  • Adailton Abrantes

    Quando tem Lynyrd, Allman Brothers e ZZ Top na trilha sei com antecedência que o episódio é foda!

    • Me empolguei nessa trilha, assumo. Mas são músicas megalovaxfodas que em sua maioria foram lançadas em 1973, ano que se passa o filme.

  • Paulo Santos

    HOROR!!! Caraca! Bom demais! Esse filme deve ter sido o primeiro slasher que eu assisti na minha vida, acreditem, vi numa escola em que eu estudava, onde tinha uma sala de vídeo, eu era guri e confesso que me deixou meio perturbado naépoca, LOL. Valeu demais pelo podtrash gente e parabéns.

    • Valeu meu caro!

      E que escola era essa? Gostaria de ter estudado lá 🙂

      • Aslanterna Verde

        O engraçado é que nessas escolas, nessa época, os professores nem viam antes o filme que passariam para seus alunos. E como não tinha internet, e eram poucas as informações mais detalhadas, eles só fixavam a ideia geral/tema do filme, e passavam. Lembro-me de um professor de história, na época em que era estudante da 7ª série, acho, que passou um filme de época que possivelmente foi o primeiro “soft porn” que já assisti na vida (como o passado era difícil). O engraçado é que eu não sabia se ele estava envergonhado ou curtindo o filme. A turma se amarrou. Mas, se isso ocorresse hoje em dia, ele levava processo, e poderia ser preso!

    • Aslanterna Verde

      Numa escola onde trabalhei há uns 11 anos atrás, a profª. passou “O Filho de Chucky” para os alunos da 4ª série (estes com 10 anos de idade). Como eu lá era um mero auxiliar técnico, fiquei calado comigo mesmo, escondendo as risadas, enquanto a profª. se horrorizava, e os alunos se amarravam nas tosqueiras de tudo quanto é forma desse filme….
      Fico imaginando ela com esse filme, se no outro quase teve uma síncope, nesse era infartaria de vez!!!

  • Larissa

    Tanto se falou em remake nesse podtrash que, na minha opinião, caberia “Motosserra”, do Skylab, novamente como música de encerramento…

    Eu sou daquele tipo de espectadora que sente um pouco os efeitos do tempo no cinema, aquela sensação de “esse filme deveria fazer efeito naquela época”. Mas no caso de “Massacre da Serra Elétrica” eu consigo entrar no clima completamente, muito por conta da fotografia, que é algo de perturbador. Excelente podtrash!

    • A fotografia do filme é demais. O único problema dele é o som: Mono. Deveria sair uma versão com o som Surround.

  • Filipe Pereira

    Nossa, acho que estamos diante do melhor podtrash até agora. Clássico master e ótima análise e uma homenagem, tanto a delicinha da Marylin quanto aos 40 anos do clássico.
    Uma pena que uma parte fundamental de Hooper tenha se perdido, já que não consegue repetir nem de longe o sucesso deste e dos Forças Sinistras da vida.

    • Obrigado pelo elogio. Eu me esforcei na edição, o Harald na narração, o Damm na arte e é claro a galera na análise.

      Sobre o Hooper, o episódio dele no Masters of Horror é muito bom, tal como o dele no Body Bags. Confira que valem a pena.

      • Gorgonzola

        O Harald tem que gravar um cd de salmos. Eu compraria.

        • Almighty

          Necronomicom em áudio by Harald!

        • Aslanterna Verde

          Estou imaginando agora o Harald apresentando o programa do “Mister M”….

        • Eu também!

    • Gorgonzola

      Também arrisco dizer que ao menos foi um dos melhores. Top 5 fácil.

  • Bruno-Henrique Silva

    Happy Halloween (atrasado rsrs)!!!
    Finalmente o Clássico dos Clássicos virou Podtrash…e que surpresa para nós ouvintes…
    O Massacre da Serra Elétrica,esse sim é um verdadeiro filme de terror e não é atoa que está entre os 5 que eu mais gosto do gênero.Sem palavras pra ele…até hoje ele continua assustador,medonho,violento e com esse clima crú amarelado e pesado e foda-se BOM GOSTO,foda-se filme certinho,foda-se filme família,o jeito é pegar O Massacre da Serra Elétrica ou um Evil Dead Remake e assistir sem manha e com o c* na mão. E depois do Massacre da Serra Elétrica esses filmes Exploitation de caipiras canibais do mal ia virar modinha,inclusive no filme Quadrilha de Sádicos (outro fodão e com um remake mais fodão ainda) que também é muito parecido com o próprio Massacre 1,trocando uma fazenda por um deserto, jovens de um Slasher por uma família americana aparentemente normal e comum, que se tornam vitimas de outra família insana de canibais,que vivem nas colinas.E assim como O Massacre,Quadrilha de Sádicos também trabalha muito bem com esse clima de desespero total e clima tenso,onde você tem que fazer de tudo para sobreviver (“Eles não queriam matar,Mas também não queriam morrer”).Não tenho nem palavras para encerrar aqui,ou dizer o quanto fiquei feliz por esses episódio de Halloween.Parabéns e novamente vários abraços…

  • Frénk Grúguer

    Quase tive orgasmos quando vi o tema do podcast dessa semana. Clássico incontestável e inabalável!

    Esse filme, assim como O Dia dos Mortos, tem um clima opressor, claustrofóbico e cheio de desesperança. Você assiste na certeza de que vai todo mundo se fuder.

    Parabéns mais uma vez e se eu fosse mulher, daria pra vocês(ou comeria o almighty com uma cinta caralha elétrica!)

    • Almighty

      Fique longe de mim!

  • Exumador Vermelho

    Viva La Revolucion!
    Viva La Motosierra!
    Viva La Cara di Piele!

    • Aslanterna Verde

      Viva le Contraplongé!!!

  • Felipe Parra

    Esse filme (junto com o metal profano e extremo, heheheh) formou meu caráter maldito em minha querida e distante adolescência….na década de 90 eu tinha um Zine d Horror Chamado WISCONSIN…….e foi através dele q mantive contato com outros zines interessantes como o Suspiria (do meu querido amigo Cesar “Coffin” Souza…o Astaroth e o Juvenatrix (do Renato Rosati,) Blerg (do Peter Baiestorf)…e por aí vai…..parabéns msm, tá chique show o episódio!!!

    Vale a menção a Mortician aqui…já q este som especificamente que conta com um pedaço do filme (mais precisamente a parte q o Leatherface espeta a mina no gancho d carne) como intro.

    http://www.youtube.com/watch?v=0ifu5-t49ko

    • Gorgonzola

      Mortician já está ficando obrigatório por aqui. E é foda saber que o podtrash está reunindo os freaks noventistas do metal extremo old school. É o meu habitat natural e onde me sinto em casa!
      http://youtu.be/FfgEj18A2eA

      • Felipe Parra

        hellyeah Gorgonzola!!!!!!!!!

        cara…depois dá uma ouvida no Hippie Hunter…..a minha banda de Death Metal

        http://www.youtube.com/watch?v=9iUtw3MwP2Y

        • Gorgonzola

          Muito foda cara, parabéns! Me lembrou um pouco as bandas da cena sueca… Principalmente o Entombed.

  • Felipe Parra

    Ah mais uma coisa!

    Quem puder arranjar o DVD com as cenas deletadas faça isso!

    As cenas são super fodas e vc consegue entender mais da loucura do Leatherface através delas….recomendadíssimo!

    • shinkoheo

      Mano tem que ser o Bluray, fui resgatar meu dvd pra rever e a imagem do filme é horrivél, escuro pra porra e tela quadrada :/

      • Aslanterna Verde

        Nunca o vi em Blu-ray…. Taí minha deixa para ver o filme de novo!!!

  • Breno

    Nc vi o Massacre da Serraeletrica, agora vou te que ve

    • Aslanterna Verde

      Não perde tempo, e leve toda a família… :p

  • Tio Helbert

    HORROR. Acabei de ouvir. Muito foda a arte e o episódio ficou muito FODA!!!!! Bem legal. Estão de parabéns. Nunca vi remakes nem origem do Massacre. Me lembro nas locadoras de VHS só tinha o 2,3 e sei lá o 4 que vi todos. Só fui ver o 1 na época do DVD. Muito foda. Qual era aquela comédia ambientada na escola onde tinham dois fanáticos pelo Lobisomem Americano em Londres e aparece o final do Massacre da Serra Elétrica???

  • Junior Tobeas

    Esse meu comentario não tem a ver com esse Pod,e sim com o Part 2 do Halloween.
    E que acho que Halloween 3 e um filme muito injustiçado,ele na verdade era para ter sido o 2,John Carpentter queria que cada filme da franquia fosse uma historia(ideia que acho que seria muito melhor,já que o 3 e melhor que qualquer sequencia mais do mesmo da serie).
    Halloween 2 foi escrito enquanto John estava com totalmente embriagado,ele próprio odeia o filme.
    Eu na primeira vez que vi tambem odiei,mas depois que vi ele com novos olhos vi como e um grande filme,O Clima,a Atuação do Tom Atckins,a historia misturando robos e seitas celtas

  • Junior Tobeas

    O Podtrash ta incrivel,essa serie eu considero a mais trágica do terror,pois o primeiro filme sei la e O Melhor filme da Historia,O MELHOR
    mas suas sequencias,fora o 2 que e legalzinho e o Origins que e assistivel,são todos uma porcaria
    O Jogo então? quanto menos se falar dele melhor.
    O Novo filme e uma abominação

  • Larissa

    A cópia em DVD que eu assisti foi essa feiona que eu estou vendo comentarem, De fato, com qualidade melhorada é OUTRO FILME, mas…não sei, eu curti essa cópia meio esculhambada, facilitou a minha imersão! Ficou uma coisa meio found footage, meio snuff movie…

  • Larissa

    Se eu citar found footage e snuff movie eu vou ter o mesmo destino do Bruno Gunter falando em contra-plongé?! :-O

    • Almighty

      Não, pois até o Tremyen já mencionou esses termos ^^

      • Aslanterna Verde

        Isso é mais contagioso que o ebola….

        • Mas é um plano holandês, oras! Sabe onde tem um outro que poucos percebem? No “A noite dos Mortos-vivos” do Romero, na cena onde a protagonista foge do zumbi no cemitério. Peguem a cena, revejam e notem a linha do horizonte ao fundo.

          • Aslanterna Verde

            Tenha medo… Prisioneiros europeus em planos tortos correrão atraix de vocfeeee até nos seus sonhos….

          • Hahahaa! Muito bom!

      • Larissa

        Na hora do “plano holandês” eu temi que o Exumador fosse sugerir torturas de O Albergue ao Bruno. :p

    • Junior Tobeas

      isso são termos para pessoas normais
      Contra-plonge e um termo de universitários no quarto ano de cinema que acham que o Brasil vai virar comunista

      • Chamaram Gunfree de comunistinha de faculdade, vish!

        vai deixar barato, Gunter?
        Deveria existir uma invocação para Viirogeraxor em casos como esse.

      • Bicho, uma coisa que não sou é comunista. Pode acreditar 🙂

  • Blergh

    PODCAST BOM DEMAIS ESSE

  • Gorgonzola

    Não é no 2 que tem uma cena em que um cara é queimado? Faz muito tempo que assisti, mas achava essa cena tensa. E tem a vovó matriarca semi múmia.

    • Bruno Tênis Verde

      Tem sim

  • Essa trilha que usei neste programa aparentemente fez bastante sucesso.

    Então tomei a liberdade de fazer uma playlist no Spotify para quem quiser ouvir:
    http://t.co/nAWMjJrtwT

  • Excelente episódio, deu até vontade de rever esse horror de filme.
    Quanto ao primeiro filme slasher continuo convencido que “A Bay of Blood” foi o primeiro, o cinema americano pode até ter popularizado, mas quem fez primeiro foi Mario Bava.
    A edição foi primorosa, e não sei por qual cargas d’água achei ela mais sombria do que de costume, mas depois quando ouvi a playlist no Spotfy as músicas nem eram tão soturnas, preciso ouvir o episódio novamente pra tirar a dúvida.

    • Eu não tive intenção de tornar a edição deste programa sombria.

      Talvez a impressão dada foi porque tive a idéia da narração na voz grave do Harald, mas na hora de encaixar no programa senti que ficou faltando um “a mais”. Então cortei nossos comentários detalhados do que é dito na rádio e eu mesmo traduzi e gravei a voz da rádio. Mas como era a minha voz, precisei disfarçá-la. Apesar de equalizar sem os médios, ainda dava para sacar de cara que era a minha voz. Então tirei um pouco dos tons altos, dando impressão de voz abafada e inclui o trecho do filme que alguém está amolando algo. Isso tudo deu o clima “pesado”. Mas apenas neste trecho entre a introdução e cenas.

      • Então, ouvi novamente o episódio e realmente não tá sombrio, o que
        aconteceu é que na primeira vez estava ouvindo Arch Enemy enquanto ouvia
        o podtrash, então de vez em quando calhava de entrar uma música
        enquanto vocês falavam algo sinistro do filme e resultou na impressão
        que descrevi no primeiro comentário.
        Mas quando você tiver inspirado, e com tempo, dá até pra brincar com isso, colocando climas nos episódios
        No
        meu caso a coincidência foi sinistra, enquanto vocês descreviam algo do
        filme uma das músicas do Arch Enemy tinha uns gorgolejos, como alguém
        se afogando em sangue.
        http://youtu.be/udRYM0z0NeA

        • Já fiz muito disso, quando havia mais tempo. Hoje é muita edição para pouco tempo.

          • Nós entendemos, e você já faz um excelente trabalho com o pouco tempo que tem.
            🙂

  • Aslanterna Verde

    Bonjour monsieurs,

    Le podtrash desta semana foi magnifique. Le “Massacre à la tronçonneuse”, ou como chamado no Brasil, “O Massacre da Serra Elétrica” (que era uma motosserra, pois não vi nenhuma tomada) foi uma excelente homenagem a el Día de los Muertos, com um clássico inspirador na cinematografia gore. Já o vi várias vezes, e é um dos desafios que faço ao pessoal que se diz forte para filmes do gênero (eu o acho básico, e não sou sacana de mandar um tão chocante quanto “Holocausto Canibal”). Mas nunca o interpretei de forma tão cinematográfica. Nunca vi tanta leitura cinematográfica, principalmente ao uso de câmera na linguagem visual. O Gunter cada vez mais se supera na tenisverdisse, e acredito que tenha chegado ao ponto dos prisioneiros estarem ávidos para fugir da cadeia apenas para lhe fazer uma visita… E está contaminando os outros, com suas câmeras Contraplongé, Michael Bublé… Almighty se mostra um bom estagiário, já aprendendo um pouco também, para dividir os prisioneiros com Gunter….
    Brincadeiras a parte, cada vez mais o podtrash está melhor, envelhecendo como um bom vinho. Sinto falta de alguns participantes antigos, mas a equipe atual é muito boa, e cada um tem uma personalidade muito própria que traz a esse podcast sempre uma discussão muito singular, ímpar e divertida, seja com o tema ou filme em questão, seja sobre a sétima arte, e o quadro político-social que a influencia, exumado em detalhes vermelhos, com a foice e o martelo do Douglas Fricke…
    Não tenho muito a falar do filme. Nem tinha percebido como ele era diferente dos outros, pois na época em que assisti pela primeira vez, foi a época em que mergulhei em uma série de divertidos filmes B acéfalos e gore, que me entorpeceram para o gênero, e notei que esse era um pouco diferente, mas não tão diferente. Nunca me incomodei com a forma estranha que Leatherface é apresentado. Nunca reparei na riqueza no uso de linguagem cinematográfica, a ponto de concluir agora, a partir dessa experiência (que consolidarei reassistindo o filme quando tiver tempo), que esse gênero é muito infeliz para esse investimento, pois ele já é tão carregado do preconceito do trash, ou da tensão causada pelo gore, que acabamos não reparando…

    Merci, éboueurs!

    Au revoir…

    • Sem dúvidas, pretendo fazer um Cinecast Cult do Massacre para falar mais do tecnicismo dele, afinal o Podtrash tem outra pegada e não é de bom tom aplicar este tipo de análise por aqui.

      E no mais obrigado meu caro! Valeu!

      • Aslanterna Verde

        Ainda sim nos acostumamos a isso… Já virou uma identidade esperada na sua participação… E imagino como isso alimenta os sonhos molhados dos prisioneiros ouvintes de podcast!!! 😛

      • Aslanterna Verde

        Imagino o Harald discutindo esse filme… Se rolar Cinecast Cult desse filme, tem de ter o Android nele!!!

        • Ele já voltou a gravar o Cinecast, vamos pedir a ele 😛

      • Larissa

        Não liga, Bruno! Pode se acabar no plano holandês que a gente apoia! ^^

      • Gorgonzola

        Boa ideia.

        • Encha o saco do Bruno Costa 😛

          • Gorgonzola

            Farei isso, hahhaa.

  • lucianoHxCx

    Meu sonho é escutar um Podtrash sobre esse clássico das tardes do SBT : Instinto Assassino (1991) e tbm seria legal um Chorume de filmes com animais assassinos .

    https://www.youtube.com/watch?v=xJIldLMOxJM

    • Quem espera sempre alcança!

      • Adailton Abrantes

        Tipo From Beyond… rs

        • From beyond vai rolar… Um dia!

          • Adailton Abrantes

            Promessa é divida! haha

    • Caramba!!
      Boa lembrança

  • Acho que foi essa música que estava tocando na hora
    http://youtu.be/A4b4bX1WkcQ

  • Lucas Da Silva Biava

    Muito bom o filem e o podcast também. Parabéns.

  • Nicolau Gaiola

    NOT DA CHAINSAW!

  • Pingback: Podtrash 260 – Blood Diner()

  • Pingback: Podtrash 322 – Massacre da Serra Elétrica 2 – Podtrash()

  • Exumador Frustrado