set 142014
 

Horror! Medo! Desespero! Pânico! Empalamento anal!

O The Dark One Podtrash completou 4 anos no início de Setembro! E por isso resolvemos atender a vários pedidos no Facebook e a celebração será a resenha do filme Holocausto Canibal, lançado em 1980 pelo magnífico Ruggero Dedodato! Mas além da resenha habitual, anexamos um audio especial com uma história encenada pelos participantes deste episódio!

Então não esperem mais! Aumentem seus iPods porque o Podtrash de quatro anos está no ar!

Duração: 94’08”
Média TD1P: 4,4

ELENCO

ARTE DO BANNER

EXTRAS DESTE PODTRASH

TRILHA DESTE PODTRASH

CONTATOS DO PODTRASH
CAPA DESTE PODTRASH
211
  • Jean Carlos Sampaio

    ia dormi , mas agora tenho que ouvir esse episódio ‘-‘ quero deixar os parabéns pelo 4 anos de podcast e espero poder acompanhar por mais vários anos ,e deixar meu grandíssimo obrigado por fazer esse ótimo trabalho no podcast , e dizer que depois de ouvir um único ep. de vcs (que foi sobre o filme tomates assassinos ) e simplesmente me apaixonei(sem gayzisse) pelo podcast tanto que estou ouvindo desde o começo , já estou no 52 =) então muito obrigado por me acompanhar enquanto tenho minha jogatina de diablo 3 (sim ouço jogando ). e deixando um pedido que um dia façam um ep sobre o filme the killer klowns from outer space ‘-‘ e um sobre o jogo/filme que é minha franquia favorita Silent hill ‘-‘ (apesar de não ser trash) porem eu realmente gostaria de ouvir vcs falarem sobre =)

    • Silent Hill merece um episódio, o filme é tem umas cenas que se enquadram por aqui.

      Sobre o Killer Klows, pretendemos fazê-lo sim! Basta a galera pedir!

      • Aslanterna Verde

        Killer Klowns o/

    • Almighty

      Não acho Silent Hill trash =[

      • Aslanterna Verde

        Mas o 2º filme é… Porém é bisonho tbm…

        • Almighty

          Ainda não vi o 2

          • Aslanterna Verde

            É doloroso…. Horroroso (é o trash que dá a volta, fica bom, mas dá a volta de novo e fica muito ruim)… Nem como trash funciona. O chato é que o primeiro, pelo menos para mim como retrogamer e fã da franquia Silent Hill, achei a adaptação do 1º muito boa, mesmo mudando muita coisa da história, eles pegaram o clima da cidade assombrada, e transportaram bem para o ocidente… Mas o segundo… Roteiro fraco, adaptações e distorções péssimas, referências ruins, roteiro fraco que não salvam a má atuação do elenco (como ocorria no primeiro). Realmente Silent Hill 2, o filme, não o jogo (o SH2 game é meu predileto, apesar de ser uma mamata de fácil), é muito ruim, e se render um podtrash, seria um nota 0, pois o 1 que ele ganharia seria debitado por manchar o nome do game no cinema, e diminuir o primeiro!!!

  • Pianista de Cabaré

    opa aquecendo os motores vamos de mais um podtrash na madruga!!!!!!!!!!!.. parabéns a todos pelos 4 anos!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Valeu meu caro! Mas não carregue seu piano nas costas 😀

  • Aslanterna Verde

    Putz, Holocausto Canibal…

    O assisti há muitos, muitos anos… Lembranças pesadas. Escutarei o cast, mas não sei se reassistirei o filme.
    Assisti esse filme em minhas incursões em Antropologia, quando o tomei como baseado em fatos reais, e, por alguns momentos, o tomei como filmagem real. Não me lembro se o filme é tão realista assim (era bem jovem e ignorante), mas não vou reassistir apenas para conferir, pois, por mais que seja forte para filmes gore, o gore desse me foi bem desagradável. Não sei se foi pelo momento em que vi, mas não foi legal…

    Porém, faz muito muito tempo, e agora macaco velho (oops, me chamar de macaco é racismo?) acho que sou mais resistente a essas paradas… Pode ser que o cast de vcs me convençam a ver de novo… Mas me prepararei, e possivelmente assistirei com o cast a tira-colo…

    No demais, FELIZ ANIVERSÁRIO DE 4 ANOS PESSOAL!!!!

    Continuem a compartilhar conosco ouvintes suas sugestões e experiências com esse maravilhoso cinema e, espero que continuem a comemorar muitos e muitos mais aniversários….

    Mandarei um feedback quando escutar….

    http://1.bp.blogspot.com/-tsR3TbsGJ80/UPGsIXVwHdI/AAAAAAAALvo/yAlG74VMR9o/s400/3403_190845421056852_311259439_n.jpg

    • Valeu Aslan Imaturo! Agora fiquei na dúvida se você vai rever ou correr! Diga! Vamos!

      http://youtu.be/Nba3Tr_GLZU

      • Aslanterna Verde

        Podcast escutado, e filme assistido (ontem a noite)…

        Não é uma experiência agradável, tenho de admitir, porém sob a reflexão que vcs trouxeram, é muito interessante interpretá-lo. Mas devo dizer que o exagero no filme é tanto que, se a pessoa não é preparada, ela acaba por não interpretar direito a crítica, da violência visual que o filme apresenta. A experiência de assistir quando não se tá preparado é chocante, e você acaba por não ler direito a mensagem. A analogia com a “cachaça braba” vale: se você não está preparado, cara, você não vai se divertir com a bebida, e sim acabar vomitando até o fim da festa!

        E uma coisa é o gore com humanos, que putz, estou acostumado com tanto filme por aí. Mas o tipo de tortura animal que ocorre… É perturbador, e o mais desagradável de se imaginar, pois, é real… Firmo e reafirmo, isso para mim foi o pior. O que torna a mim, ou pelo menos a quem não aprecia dor real (apenas ficcional), uma experiência tensa. E desagradável. Porém valeu o desafio de reassistir. Assisti-lo sem pegar sua mensagem principal é uma experiência incompleta. É se chocar gratuitamente. Agora enxergo a mensagem real que esse filme quis passar. Acho que vale a pena assistir, claro que, preparado e avisado, pois rende uma grande pauta de discussões. Mas com um grande disclaimer: uma coisa é assistir gore cinematográfico com mortes e mutilações humanas falsas (mesmo realistas), outra coisa é matança violenta e real de animais… Quem se sensibiliza pelo último, esse filme choca mesmo. E até mesmo completando minha experiência do passado, ainda sim, fiquei mal com isso.
        Mas é uma obra-prima que vale ser conhecida, e assistida por quem tem estômago. Porém se não tem, não acho vergonha não assistir. Este não é o cinema diversão!

        Agradeço por terem me tornado um leão vegetariano por uma semana, hahaha… 😛

  • Olha aí que beleza: 4 anos! Acho que esse foi mais um podcast que comecei a escutar por indicação do Shin Koheo alguns anos atrás e venho acompanhando os avanços e mudanças no cast.
    Excelentes casts que mesmo eu não tendo assistido algum filme acaba me deixando a impressão de ter assistido o filme, tamanha a qualidade das descrições dos filmes (isso quando não acabo indo atrás de assistir um filme ou outro).

    Parabéns pelo trampo e não parem nunca (ainda mais que a trasheira não tem fim)!

    • Opa! Valeu meu caro!

      A idéia da gente é essa mesmo, passar o enredo do filme para que vocês tenham uma gostinho e aí correr atrás da obra do mal gosto, mas que foi feito com muito gosto!

    • Almighty

      Horror!

  • Don Ramon

    Melhor filme já feito sobre o Brasil, digo logo. Eu trabalho com turismo aqui no Rio e recomendo para todos os gringos. “Tem índio canibal no Brasil? tem, po”.

    O podcast de vocês cresceu pra caramba, merecidamente.

  • Felipe Parra

    Lembrei dos meus queridos amigos da banda Dead Crush que tem várias músicas inspiradas em filmes de Horror….uma delas se chama Cannibal Holocaust
    https://www.youtube.com/watch?v=1c5-AAbepWM

    • Pô e a banda é muito boa. Os caras estão na ativa ainda?

      • Felipe Parra

        Sim Bruno! Nós (do Hippie Hunter) tocamos com eles neste show tb (aliás um grande show com bandas internacionais aqui no interior paulista)…..eles são amigos antigos da região
        http://www.youtube.com/watch?v=pv1WHw58tbs

  • Daniel F. B. Costa

    Que site novo! Ficou excelente a arte do header, as cores vinho e laranja tb

    Mas o melhor presente que ganhamos foi o Canibal Holocausto, quem diria que vcs iam nos dar esse filme que nunca quis ver por preconceito de presente? Mas agora tenho desculpa e vou baixar aqui para ver.

    Volto depois para comentar quando terminar de ouvir o programa

    • Opa, obrigado Daniel. Fico feliz que tenha gostado das mudanças.

      E estou aguardando suas impressões pós-cast, abraço!

      • Daniel F. B. Costa

        Ouvi o programa todo e achei muito divertido o audiocomedia (de drama tem nada) que vcs fizeram…. lembrou o antigo Jurassicast

        Sobre o filme eu nao sei se tenho coragem e ver… adoro animais e pelo que vcs disseram eles sao mortos na frente das cameras e isso vai ser osso…..

        Mais alguem viu o filme depois de ouvir o podtrash?? O que vcs acharam???

        • Exumador Vermelho

          Eu ja vi antes!!

        • Aslanterna Verde

          Vi antes e me choquei, vi depois, e tbm me choquei… Experiências em um comentário que fiz abaixo… 😉

  • Pergunta besta, mas: por que taggeado como “mockbuster”?

    • Olhos de águia os seus Tasso!

      Falha minha ao selecionar a tag. A correta era “Mockumentary”. Corrigi por aqui, obrigado.

      • Almighty

        Canalha! Este filme é um documentário real, tal como Troll Hunter!

  • Assisti esse filme ano passado, muito por influência das citações no Podtrash, e realmente é impactante.
    Vocês falaram de documentários sobre animais e lembrei deste Terráqueos, http://youtu.be/vPtrekRyTMA é excelente, vale muito a pena assistir.

    • Marquei para assistir mais tarde, valeu pela dica Ivan.

    • Bah, estava tentando lembrar o nome desse. Valeu, Ivan.
      Foda que a primeira vez que assisti eu ainda não tinha passado pela experiência de ser dono de um cão. Agora que tenho dois, que me ajudaram a sair de uma depressão escrota, não tenho estômago para assistir mais que cinco minutos. Dói demais.

    • Adorador_do_Capeta

      Um camarada meu o Moicano, me falou desse documentário… também não tive estomago pra isso….
      credo…. (que meu mestre não fique sabendo disso. kkkkkk)

      • Cara, assista.
        Tem muita coisa interessante nesse documentário, no mínimo ele vai te fazer questionar o que, e como, você consome.

        • Daniel Violista

          Sim, citei ele agora com seu titulo para português “Terráqueos”.
          Assisti tudo a alguns anos atrás, mas tive de pausar umas 3 vezes.

          Outro doc na linha só que mais light é o “A Carne é Fraca”

    • shinkoheo

      Esse ai é um catequizador de vegans! Gosto disso não! hasuhaus

      • Se esse filme é pra catequizar está falhando miseravelmente, ao menos entre as pessoas que conheço, nenhum se tornou vegetariano após assisti-lo, por outro lado me ajudou bastante a ter mais consciência sobre o que consumo.
        Tem outros dois documentários que fala sobre a agricultura, O Veneno Está na Mesa, esses não falam sobre os males da carne.

        http://youtu.be/SHkRoIvahpg
        http://youtu.be/fyvoKljtvG4

        Os links para quem quiser conferir

  • Larissa

    Novo layout! Aêee! Está medo-horror-desespero e neoooooonnnn!

  • Adorador_do_Capeta

    Ainda não tive estomago pra ver esse filme…. =/

    Dai-me forças Mestre!!!

    • Exumador Vermelho

      Demonicista de faculdade!!!!

      • Adorador_do_Capeta

        kkkkkkk

        • Devo dizer que o Exumador Vermelho mandou bem na piada 🙂

  • lucianoHxCx

    Lembrei de uma música do Soulfly :

    https://www.youtube.com/watch?v=l7EID1xew4E

    Soulfly – Cannibal holocaust (tradução)

    Corpos espetados, almas espetadas

    Traiçoeiro o desconhecido

    Esfolado vivo e deixado para morrer

    Medo interior ganha vida

    Holocausto canibal

    A esperança está perdida, tudo está perdido

    Holocausto canibal

    A esperança está perdida, tudo está perdido

    Guerra tribal, lei da selva

    Intimidade, negação

    Auto-infligir, devorar

    Até que não reste nada

    Holocausto canibal

    Tudo está perdido, a vida está perdida

    Holocausto canibal

    Tudo está perdido, a vida está perdida

    Afiando as lanças

    Os comedores de fogo

    Até mesmo a selva

    O quer morto

    Adoradores da cobra

    No esquecimento

    Até mesmo o inferno

    O quer morto!

    Desfeito, asfixiado

    Pele sem cor

    Retaliação, vingança

    Junte-se a ministério da imundice

    Pendurado, traçado e esquartejado

    Confluência, vazio

    Desprezo suicida

    As manchas do neuroeixo

    Holocausto canibal

    Entrando no matadouro

    Holocausto canibal

    Entrando no matadouro

  • Gorgonzola

    Que fodaaaa! Tirando as cenas babacas de animais sendo mortos, um filme extremo como poucos!

  • Gorgonzola

    Layout belzebusticamente PHODA! Caras, façam camisetas com essa arte! Eu serei o primeiro a comprar.

    • Exumador Vermelho

      Seu capitalista!!!! Pegue a arte e cole numa caiseta de politico!!! assim sao dois favores para a sociedade!!! Viva La revolucion

      • Gorgonzola

        Não sou capitalista, sou fascista. O terror da sua espécie. Na minha ditadura, seres como você são transformados em óleo para as máquinas de destruição!

        “As the new millenium closes in

        Take a look what’s going on

        Carriers of the plague on earth’s every corner

        The disease is spreading again

        I remember the better times

        Once the plague was destroyed

        Now this disease is everywhere

        Action is needed in order to survive

        It is time to start fighting back

        Or we all end up like them

        Back in the days of Vietnam

        The cure was called napalm

        Che Guevara wept!

        Healers of the red plague

        We are heading for the new world order

        Where no plague stands a change

        Forcefed disease for subhumans

        All healed once we strike back

        Back in the days of Vietnam

        The cure was called napalm

        Che Guevara dead!”

        http://youtu.be/ja4DIMc9Z38

    • O Shin Koheo que é o rei da camiseta molhada. Pede para ele! @shinkoheo:disqus

  • Exumador Vermelho

    Jovens Capitalistas sendo mortos por seres de uma comuna natural!!!!!! SIMMMMMMMMMMM!!!!

    E o site ficou bonito

  • Daniel Violista

    Muito bacana o podcast, não assisti o filme nem pretendo, fico muito impressionado com cenas de animais morrendo. Tem um documentário (que assisti) antigo chamado “Terráqueos” na versão brasileira, é realmente gore e mostra o que falaram, incluindo os matadouros mecânicos.

    gostei da inserção de um audio conto entre os blocos, =)

  • Podcast fodarástico e muito divertido. Principalmente pela audio novela com nosso caro comunistinha exumador.

    Canibal holocaust foi um filme que nunca terminei de ver. Eu peidei na hora em que mataram o gambazinho.
    O bichinho foi morto de forma cruel, digna de cozinheiros chineses.

    No mais, tenho só elogios pra vocês! Descobri isso aqui através do MdM e desde então fico ansioso toda sexta feira esperando o horror, medo e desespero que tanto me divertem.

  • sherlock lestat

    Parabéns pelos quatro anos de horror, medo e desespero! Nós ouvintes só temos a agradecer a tantas horas de diversão e indicações Megalovoxfodas de todos vocês. Conheci o podtrash a menos de um ano, mas já fiz maratona de todos e já pude assistir e adorar muitos filmes indicados aqui. Obrigado!

    • Que maneiro! Gosto de saber quando nossos ouvintes acabam se entusiasmando e correndo atrás dos filmes.

      Abraço meu caro!

  • Deivid Pacheco

    FODASTICO! xD parabéns!

  • Gilberto BOCANEGRA

    Viva o Podtrash!!!!

    o/

  • Felipe Parra

    Acabei de ouvir agora o cast e tenho só uma ressalva a fazer:

    Faltou IMPETIGO na trilha sonora!

    Principalmente as músicas do album ULTIMO MONDO CANNIBALE!!!! Este clássico do Gore/Splatter Death Metal tem vários trechos de filmes nas intros das músicas (como City of the Living Dead, Ilsa, She Wolf of the SS, Zombi 2, The Wizard of Gore e o próprio Cannibal Holocaust ).

    Vale a pena conferir este clássico!!!

    VIVA O VÔMITO AZUL!!!

  • Heictor Abreu

    Parabens ao Podtrash o melhor podcast de cinema do Brasil

  • Junior Tobeas

    Holocausto Canibal;Milhares de Índios indo de trenzinho a Auschwitz

    Parabéns ao melhor Podcast do Brasil

  • Thiago

    Parabéns pelo sucesso do cast….

    E que cast de aniversário….
    O melhor filme gore que já assisti…

    Tem uma cena da punição de uma índia, que trai um índio que é tensa…
    Credo!

    Abraços e rumo a mais 300 anos!

    • Essa atriz na verdade era Italiana, mas suja de lama. Valeu!

      • Thiago

        Tinha comentado isso logo que vi que o cast era sobre este filme….
        Essa é uma das cenas que me impressionou (tem outras várias) kkkkkkkkkkkk

        Não sabia que era uma italiana…. No cast vocês falaram….

        E quando sai um novo Trashbattle?? São muito bons…

        Valeu!!

  • Ricardo Abdalla

    Das Trevas da meia-noite surgiu um podcast!
    Também à meia noite, ele saúda o Sol!
    Frente ao Norte, idolatrai!
    Envolto pelas cores do mal, uma mescla de roxo e laranja e preenchido com as qualidades d’uma alma negra e sorridente
    Com o pé esquerdo para a frente e a mão direita assumiu a forma do deus da Terra, apontando para cima na diagonal e na esquerda para baixo EVOCANDO:

    – Saúdo a Ti, que és Kephra em teu refúgio, a Ti que és Kephra em Teu silêncio, que cruzas os Céus em Tua barca na Meia Noite do Sol! Tahuti, em seu Esplendor, levanta-se na proa, e Ra-Hoor permaneça no leme. Te saúdo desde as moradas da noite! Te saúdo! OHHHHHHHH!

    Parabéns Podtrash! Que Rá os ilumine!

  • Tio Helbert

    Filme para estômago forte.

  • Bruno-Henrique Silva

    Nossa parabéns a esse cast incrível,ficou muito foda! Cannibal Holocaust na minha opinião é o melhor filme daquela listinha de filmes sobre filmes de canibais que vcs citaram (A Montanha dos Canibais,Eaten Alive,até mesmo os do Jess Franco Devil Hunter etc são muito legais) e não foi um choque quando eu assisti pela primeira vez,porque eu já havia assistido outros filmes Gore tipo o Zombie do Fulci,Basket Case,Bad Taste,Demons e por ai vai,mas a cena da tartaruga realmente me deixou super constrangido.Bom está ai um filme Exploitation clássico Grindhouse que muitos amam e muitos odeiam que tem toda sua polêmica,que jamais iram esquecer.Já que o assunto é Snuff Movie,Canibalismo,Gore,Selva,Documentário,Exploitation um filme documentário muito agradável de se ver: https://www.youtube.com/watch?v=8ljbcM79KPs

    • Opa xará! Valeu pelos elogios!

      Sobre o Guinea… Eu sempre quis falar dele na íntegra por aqui. Vamos ver como será a recepção da galera com o Cannibal Holocaust.

      Abraço!

  • Feliz aniversário, e parabéns pelos de quatro anos de existência, trashers!

    Excelente episódio. Assisti Holocausto Canibal ainda adolescente (nos anos 80) e o considero válido como filme e mais ainda como crítica, mas não concordo com a exploração da morte dos animais (quaisquer animais, poderiam ter sido mosquitos ou formigas e minha opinião seria a mesma) como ponto forte de venda do filme como exploitation. No fundo, foi como o Exumador falou: Deodato teve que se tornar o que ele criticava de forma a fundamentar sua denúncia, e isso por si só faz o filme ser menos válido como crítica do que foi pensado para ser, em primeiro lugar.

    Mas dito isso, é um filme fundamental na história do cinema e eu não o assistiria de novo de maneira nenhuma.

    Abraços a Bruno, Douglas, Almighty, Demétrius, Shin Koheo e a todos que sempre fizeram deste um dos top três podcasts sempre essenciais em meus ouvidos.

    A propósito, o teatro ficou megalovaxphoda e espero que se torne uma constante. 8)

    • Valeu meu caro Pensador! Não posso acrescentar em nada no que você disse sobre o filme. Eu concordo em gênero, número e grau.

      Sobre a novelinha do mal, não sei se rolará sempre. Mas foi tão legal fazer que podemos fazer versões longas mais para a frente, como um programa. Mas são idéias… Idéias.

  • Edson Oliveira

    Primeiramente, parabéns pelos quatro anos de Podtrash. Manter um programa semanal, com a qualidade que vocês têm, não é para qualquer um. E o mais importante: sem se vender para o capitalismo monetário judaico/cristão ocidental ortodoxo.

    Quanto ao programa em si, excelente tema, muito bem conduzido. Embora o filme cause nojinho em alguns (abraço, Adorador do Capeta), ele serve como uma espécie de catarse: até onde você consegue olhar sem dar uma pausa e respirar.

    Embora não tenha visto no cinema, me lembro de um outdoor gigante, na Ipiranga com São João, em 1985. Na época, já era chamado de “clássico moderno”, com as lendas que rondavam a produção expostas em matérias nas revistas SET e CINEVIDEO.

    Também achei desnecessárias as cenas com mortes de animais. Coisa de italiano maluco. Já a sequência com a morte do primeiro cinegrafista é excelente (no sentido de bem filmada). Torna compreensível acharem que pessoas tinham sido realmente mortas durante as filmagens.

    Pra mim, a cena mais nojenta é aquela em que o professor tem que comer aquela gosma branca, que parece resultado de uma punheta coletiva da tribo.

    Sobre cenas desnecessárias, Uwe Boll tem um filme chamado Seed, de 2007, sobre um serial killer. A introdução é uma série de mortes de animais. Isso me bastou para não ver o resto do filme, mesmo tendo o Michael Paré como protagonista. (Tá, concordo que toda a carreira do Uwe Boll é feita de cenas desnecessárias). http://www.imdb.com/title/tt0758781/

    • shinkoheo

      Ah Seed tem uma cena legal, https://www.youtube.com/watch?v=XGOOTuKc52k é tensa e bem feita, ele acerta de vez em quando…saiu o 2 já esse é um dos filmes bons dele…

      • Edson Oliveira

        Tenho que concordar. Essa cena já virou clássica.

        • Seed é foda! Foda! FODA!

          • Edson Oliveira

            Vou fazer um esforço e tentar assistir por inteiro.

  • Seus filhos da puta, me fizeram baixar e assistir esse filme.

    A experiência foi bacana pois não estou acostumado a ver esse tipo de filme e nem achei tão forte, as únicas cenas mais fortes mesmo que me deixaram um pouco cabreiro são as cenas de mortes dos animais, especialmente a da tartaruga que é muito agressivo, aquilo tudo ali exposto foi nojento.

    Que massa a cena do professor tomando banho com as indiazinhas tentando pegar no bilau dele e logo em seguida, os dois que estavam la olhando se jogam no mato pra elas não perceberem eles, muito engraçado e meio galhofa.

    Muito bom o programa galera, curti bastante!

    Parabéns pelos 4 anos e que venham mais 4, 8, 15, 16, 23, 42 anos de PODTRASH!

    Abraço!

    • Xinga a mãe do Douglas… A minha não! Opa… Pera aí…

  • PÁRA-béns Podtrashers!

    E obrigado por estes quatro anos de existência!
    A escolha do tema para comemorar não podia ter sido mais acertada!
    FILMAÇO!

    Só faltou comentar o filme que é uma homenagem clara a Holocasto Canibal, “The Green Inferno” do Eli Roth, que pode ser que ainda estreie nos cinemas por aqui este ano.

    http://youtu.be/kt9bQzmSfRs

    Mais uma vez parabéns a toda a equipe, inclusive os que estão sumidos (beijo pro Tremyen), e obrigado pelas horas de diversão e informação DO MAL que o Podtrash nos proporciona.

    Horror a todos!

    PS.: MEODEOS! O Almighty é um excelente ator!

    • shinkoheo

      Eu comentei mas ficou fora da edição! Esse filme já ta rodando festivais de cinemas a 2 anos e só vai sair agora :-/

      Foda que pelas críticas a parte mais controversa é uma cagada no mato.

      • A gente não tinha nenhuma informação relevante sobre ele… Logo ia ser encheção de lingüiça mantê-lo no corte final.

    • Almighty

      Fiz o curso de atuação do Dr. Francisco!

  • Blergh

    PULHAS!!! PARABENS PELO ANIVERSARIO

    MAS CADE MEU BOLO COM GUARANA?????????

    • shinkoheo

      TÁ ATRAIXXX DE VOCê!

      • Blergh

        BICHA

    • Só tem suco de caju.

  • Anderson Gabriel

    Sangre, medo desespero.. muitas felicitações ao novos amigos depois de uma BIG maratona com os passados programas até a presente data, fico com a sensação de que já fazem parte da minha cultura, com indicações e muitas, mas muitas mesmo, risadas. Só pra lembrar como sempre faço, o Douglas é foda, irônico extremamente inteligente cara gente fina. Sucesso a todos que fazem parte desse mega louvaxico (é assim que se escreve? ah dane-se) que venham os próximos anos.. Abraçoss..

  • Felipe Parra

    Se liguem nessa edição especial!!!

  • Larissa

    Mas o que eu achei legal mesmo foi a homenagem do Almighty a todos os cavaleiros da sagrada ordem de ONAN dos anos 90, amantes de Street Fighter…

    • O Almighty tem 13 anos. Ele nasceu numa louca Odisséia do Espaço!

      • Larissa

        13 anos e já não é careta! Essa juventude de hoje em dia especialista em piroca…

        • gugamex

          Almighty B. 13 anos, prostituto e drogado

      • Almighty

        Nasci nos anos 80, e sou careta!!

  • Aslanterna Verde

    Parabéns trashers…

    Não sei se já os parabenizei, mas estou tão atolado em trabalho, que nem me lembro do que comentei ontem… Tá tenso acompanhar religiosamente meus podcasts prediletos, mas sempre arrumo um tempo para comenta um podtrash a tempo de tentar participar de uma discussão!!!
    Comemoraram vosso 4º ano em alto estilo, e nossa, me foi nostálgico o audiodrama, mas me lembrando muito um outro que foi um dos primeiros podcasts que escutei desde os primórdios, o Jurassicast, que no início tinha muito disso! Foi uma boa experiência! Execelente, informativo e esclarecedor programa! Nunca assistirei “As Aventuras de Chatran” da mesma maneira (mas não assisto mais Sessão da Tarde mesmo)!!!
    O programa de vocês ajuda a aproveitar essa pesada experiência de assistir o filme, e tirar uma mensagem e aproveitamento do choque que ele causa… Obrigado!

    Excelente episódio, muito interessante!!!

    Porém foi uma das únicas vezes em que não ri após ver um filme homenageado pelo cast… Mas foi uma experiência válida!!!

    • Opa meu caro Aslan do Mal Esmeralda. Em partes:

      1. Sim, comente sempre. Mesmo que atrasado, a gente vai sempre manter isso aqui vivo enquanto vocês não deixarem os tópicos murcharem 🙂

      2. Pô, adoro o Jurassicast. E eles faziam muitos teatrinhos bacanas. Infelizmente hoje não rola mais. Um motivo mais do que justo a escolha deles de aposentarem o estilo.

      3. Todo filme de animais rola mal-trato com os animais. Tolo é aquele que acha o contrário. Mas na Ásia tudo é pior nesse sentido.

      4. Cannbal Holocaust é um filme diferente. A proposta é essa de deixar o espectador pensando mesmo… E pelo visto ele consegue atingir este propósito na maioria das vezes.

      No mais, forte abraço!

  • Augusto Schio

    4 anos de tosqueira…. mas tosqueira da boa! Parabens!!!

  • José Barreto

    Parabéns pro melhor podcast do Brasil!

  • Opa Anderson! Valeu pelos elogios. Mas ó, não enche muito a bola do Exumador se não ele vai se gabar demais…

  • Parabéns Trashers One 🙂

    Eu nunca revi Holocausto Canibal. Fui levado à conhecer quando meus estudos de mockumentary se cruzou com o cinema italiano de terror. Até lembro de comentar com a minha esposa – então namorada – sobre a cena que arrancou o p** do cara e ela queria assistir para ver como funcionava. Desde então, deixe o filme para lá porque a lembrança me dá calafrios 🙂

    E ri muito com o audio drama. Quem escreveu o roteiro?

    No mais, que venha o 5º ano.

    []’s
    TIAGO LIRA
    crítico de cinema | podcaster | designer gráfico
    32a São Paulo
    http://umtigrenocinema.com

    • Almighty

      O roteiro saiu da mente doentia do Bruno!

      • gugamex

        Ficou bom demais parabens pro Bruno e pro resto que encenou os personagens

    • Opa Tiago!

      Valeu pelas felicitações! Sobre rever o filme, eu recomendo!

  • Weissmann

    Parabéns senhores…

    Em que venha mais 4 anos para o podcast
    mais megalovaxphoda do Brasil

    Ah! E a áudio novela sonoramente magnética ficou ótima!
    Poderiam incluir mais destas nos episódios Lado B

    • gugamex

      Sou a favor de mais audiodramas tambem!

    • Desejamos fazer mais, mas depende de alguns fatores para que ela saia.

  • Lucas Da Silva Biava

    Excelente episódio!!!

  • Juliano Felicio

    Podtrash! Viva!!! Parabens!!!

  • gugamex

    Parabens pro meu podcast predileto da atualidade, que desbancou o Nerdcast, MDM e MRG do meu ipod

    E este foi um dos melhores podtrash de aniversario! Esse audiodrama tem que ser feito mais vezes… que tal?? Vcs podiam encenar um filme inteiro… que tal?

    • gugamex

      E que arte essa do Marcelo Damm!!!! Descaralhou com a podosfera de vez!!! Todos vao imitar!!!

    • Não disputamos com ninguém meu caro, mas ficamos felizes pela sua preferência.

      []’s

  • Ayumi Machado

    Nao é a toa que vcs sao meu podcast favorito

    Falaram de um filme que nunca consegui ver o trailer e depois do episodio vi o filme mas passando rapido as cenas de animais mortos…. Hj posso dizer que mudei e vejo os filmes de outra maneira

    obrigada pelos 4 anos e tmara que venham mais 4

  • Pingback: Links da Semana #01 – Não são pedras, são … !()

  • Digimon

    Parabens (atrasado) pelo aniversário do programa, graças a ele meu gosto pelo podre foi aumentado em 50x, obrigado por isso. E imagine só, eu negligenciei esse podcast por uns 3 meses antes de ouvir-lo pela primeira vez no chorume de artes marciais, e hoje eu espero ansioso pelos episódios.
    Se depender de material, podtrash será infinito.

    Mas sobre o filme:
    Diferente de muita gente que conheço, eu só me impressionei com a morte dos animais da primeira vez que vi, da segunta vez eu meio que caguei para a morte deles (exeto a tartaruga, porra aquilo é brutal demais).

    Assim que eu tiver tempo irei reasistir.

  • Iulianus Gomes

    Parabens atrasado!!Vcs merecem ser chamados de melhor podcast de cinema do brasil!

  • Rodrigo Ranger Preto

    Ainda nao ouvi esse programa pq tenho nojo do filme…. mas vou ter que perder ele

    • Almighty

      Se não assistir, pelo menos ouça o Podtrash! =D

  • gilmarzinho

    Estou com este filme há anos aqui e nunca tinha parado para assistir. Me obriguei agora, antes de ouvir o podcast.
    Que horror. O filme já não é bom, e a morte dos bichos me deixou muito incomodado. Mas, é cinema, né. É arte afinal e não dá pra censurar muito sem correr o risco estar limitando a arte, o que acabaria sendo pior do que as atrocidades do filme, na minha opinião.
    Excelente cast para um filme muito polêmico e perturbador.

    Té.

    • Mayara

      Todos os ATORES estão vivos, OK! E os índios … Aquela índia que é empalado na filme … Como saber se ela está viva ou morta?!

  • Pingback: Os Comentadores #31 - Podcasts Femininos | Mundo Podcast()

  • Pingback: Podtrash 260 – Blood Diner()

  • Mayara

    Todos os ATORES estão vivos, OK! E os índios … Aquela índia que é empalado na filme … Como saber se ela está viva ou morta?! Ninguém diz nada sobre isso

    • Olá Mayara, horror!

      A atriz estava viva no fim das filmagens, não sei se hoje em dia ainda está.

      O truque usado pelo Deodato foi o seguinte: A atriz sento em um banco de bicicleta, deixou o pedaço de pau na boca e foi lambuzada de sangue depois.

      Ela foi uma das atrizes que teve ser mostrada em júri no julgamento do Ruggero Deodato.

      Espero ter saciado a curiosidade.